Semanário Regionalista Independente
Sábado Março 2nd 2024

33.º Corta-Mato Cidade de Amora e 100.º edição dos Campeonatos Nacionais de Corta-Mato foram apresentados na Margem Sul

Decorreu hoje, 23 de novembro, no auditório dos Serviços Centrais da Câmara Municipal do Seixal, a apresentação pública do 33.º Corta-Mato Cidade de Amora e da 100.º edição dos Campeonatos Nacionais de Corta-Mato, que se realizam no próximo domingo, dia 26, a partir das 9 horas, na Quinta Maria Pires, em Amora.

Na apresentação pública, o presidente da Câmara Municipal do Seixal, Paulo Silva, salientou a forte dinâmica do Município do Seixal na prática desportiva popular e na formação de crianças e jovens. «O Seixal há muito que é caracterizado por ser um concelho do desporto, sendo este um fator de coesão e desenvolvimento social». As boas condições criadas no concelho do Seixal para a prática da modalidade de atletismo, como, por exemplo, o Complexo Municipal de Atletismo Carla Sacramento, recentemente requalificado, bem como a dinâmica e o trabalho do movimento associativo levam a que o Seixal faça jus ao lema «Desporto para Todos», não apenas no atletismo, como nas várias modalidades, salientou o presidente da autarquia, lembrando que o concelho tem cerca de 700 eventos desportivos por ano. «É uma honra receber no Seixal a 100.ª edição dos Campeonatos Nacionais de Corta-Mato, em simbiose com o desporto popular», referiu Paulo Silva.

«Um marco histórico do atletismo português», foi como o presidente da Associação de Atletismo de Setúbal, José Serrano, classificou esta edição dos Campeonatos Nacionais de Corta-Mato.

Por seu lado, Jorge Vieira, presidente da Federação Portuguesa de Atletismo, explicou brevemente a história desta prova centenária e enalteceu as classificações dos atletas portugueses a nível nacional e internacional. «Continuamos a ser a modalidade que tem campeões olímpicos», referiu. Em relação à 100.ª edição, salientou que «é um evento que vai honrar e fazer história no concelho do Seixal».

Nelson Ramos, presidente da Junta de Freguesia de Amora, realçou o forte dinamismo do atletismo popular e do desporto escolar no município e as excelentes condições que a Quinta Maria Pires, em Amora, tem para a realização destas provas.

corta mato amoroa

De salientar, na apresentação pública, a presença do atleta Nélson Cruz. Ainda no âmbito da apresentação pública decorreu a visita à exposição evocativa das 100 edições.

No domingo, prevê-se a participação, nas provas, de mais de 2000 atletas oriundos de todo o país e estarão presentes os maiores e mais representativos clubes nacionais: Sporting Clube de Portugal, Sport Lisboa e Benfica, Maratona Clube de Portugal, Sporting Clube de Braga e muitos outros.

A 33.ª edição do Corta-Mato Cidade de Amora irá contribuir para manter no concelho um dos maiores eventos nacionais que, no ano de 2022, contou com a participação de 1309 atletas, a maior participação de sempre nesta prova e que tem vindo a ser uma demonstração clara do trabalho que se tem vindo a fazer em conjunto com o movimento associativo popular e juntas de freguesia, em prol do desenvolvimento do atletismo do concelho do seixal, contribuindo, igualmente, para o desenvolvimento do atletismo nacional.

Os Campeonatos Nacionais de Corta-Mato tiveram início na segunda década do século passado, no dia 7 de maio de 1911, com o triunfo de Francisco Lázaro, então a representar o Benfica. A competição inclui as provas principais e atribui ainda os títulos individuais de sub-23, sub-20 e sub-18 (nestas duas últimas categorias é também atribuído o título coletivo), o título de estafeta mista e ainda as provas para os escalões de veteranos (também campeonatos nacionais).

A organização está a cargo da Câmara Municipal do Seixal, Junta de Freguesia de Amora, Federação Portuguesa de Atletismo, Associação de Atletismo de Setúbal e movimento associativo.

(fonte e foto: GPRP Seixal)

Ventura Saraiva

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.